terça-feira, dezembro 21, 2010

Dois Artigos sobre Pessoa na Revista Latitudes



No número duplo, 38-39, da Revista Latitudes - Cahiers Lusophones, o investigador Aníbal Frias publica dois interessantíssimos artigos sobre Pessoa: "Pessoa et les itinérances de la raison créatice" (sobre a Cabala) e "Fernando Pessoa, guide de Lisbonne" (sobre o guia de Lisboa que Pessoa escreveu).

O primeiro artigo é uma verdadeira tour de force de Frias, que analisa ao pormenor as influências judaicas na obra (e personalidade) de Fernando Pessoa. Trata-se de um artigo de grande valor e que entra numa parte da obra Pessoana que é pouco tocada actualmente, com raríssimas excepções estes temas estiveram sempre no âmbito da Pessoana Yvette K. Centeno.

Num pequeno aparte posso - penso - revelar que, existem algumas páginas inéditas de Pessoa sobre a Cabala que estão na posse de um alfarrabista de Lisboa, que as tenta actualmente negociar com a Biblioteca Nacional. Esperemos que o processo acabe de maneira positiva e que as mesmas sejam disponibilizadas para estudo dos investigadores.

O segundo artigo analisa o guia de Lisboa "What the tourist should see" (que tem uma versão interactiva aqui), numa perspectiva comparativa com o resto da obra Pessoana. Achei de grande interesse a integração deste pequeno guia num projecto mais vasto de Pessoa, que tinha por objecto a divulgação do país no estrangeiro. Frias (e Teresa Rita Lopes antes dele) aventam a possibilidade de o guia ser uma espécie de introdução à "Mensagem". Penso que a análise de Frias - que fala numa metalinguagem, numa ausência que se torna em simbolismo - faz muito sentido; visto que a descrição da cidade que este guia traz pode ser uma espécie de reflexo no espelho da visão mitológica pura da "Mensagem", uma praxis fria para a teoria poética quente.

Este número da Latitudes pode já ser adquirido na Livraria Colibri nas instalações da UNL.